Fonte Torcedores

O presidente Jair Bolsonaro está proibido de assistir a final da Libertadores da América no próximo sábado no Uruguai. De acordo com as regras da Conmebol, apenas pessoas vacinadas contra a Covid-19 terão acesso ao estádio. Como resultado, o presidente brasileiro mais uma vez ficará afastado do evento. Na sua agenda oficial, Bolsonaro estará em um evento em Resende, no Rio de Janeiro, na formatura de cadetes da Academia Militar das Agulhas Negras no momento da partida entre Flamengo e Palmeiras

Conforme os protocolos de segurança estabelecidos pela Conmebol, todas as pessoas que pretendem assistir a grande decisão da Libertadores da América, sejam autoridades ou torcedores comuns, precisam estar devidamente vacinadas com as duas doses contra a Covid-19 (dependendo do laboratório da vacina). Como o Governo do Brasil não confirmou presença do presidente, a entidade e os órgãos de segurança de Montevidéu não organizaram nenhuma escolta especial para Bolsonaro. O que confirma que não há a intenção de comparecer nem mesmo na cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.