Palmeiras e Endrick acertaram nesta segunda-feira os pontos que restavam sobre o primeiro contrato profissional do atacante, com validade de três anos. Agora está tudo certo, mas o vínculo ainda não está assinado, o que só vai acontecer quando o jogador completar 16 anos de idade, no dia 21 de julho.

 

Como o ge havia publicado na semana passada, as conversas já estavam adiantadas, e o acordo terá multa rescisória de 60 milhões de euros (R$ 308,9 milhões).

Eleito craque e autor do gol mais bonito da Copinha, o atacante tem convivido com especulações frequentes de grandes clubes da Europa. O acerto com o Verdão sempre foi avaliado como natural pelos dirigentes e também pelas pessoas que vão administrar a carreira profissional do atleta.

 

Atualmente, o jovem tem um contrato de formação com o Palmeiras, com validade até 2025 e multa de cerca de R$ 110 milhões. Mesmo acompanhado por clubes do exterior, o atleta não pode participar de uma transferência internacional antes de completar 18 anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.