Destaque na campanha da Tríplice Coroa em 2020, com gols decisivos na final do Paulistão e nas semifinais da Copa do Brasil e Libertadores, Luiz Adriano reconheceu que teve um ano ruim. Até o momento, o jogador de 34 anos soma 35 jogos e apenas cinco gols marcados.

 

– Foi um ano muito ruim para mim, de jogar, de ter machucado, poucas oportunidades. Pude contribuir da melhor forma possível, incentivando os companheiros, dando alguma palavra. Isso faz parte de chegar ao titulo. Não só jogar. Pude ajudar da melhor forma possível, de passar concentração pra eles. Estou aqui com esse grupo maravilhoso – disse o atacante em entrevista pós-jogo ao SBT, ainda no gramado do Estádio Centenário

– Luiz Adriano tem contrato até meio de 2023 e vai continuar no Palmeiras. Não tenho desejo de sair. Estou aqui pra jogar. Agora é descansar um pouco, comemorar e estar melhor na pré-temporada pra não se machucar e jogar o que joguei ano passado – completou o jogador que não foi aproveitado por Abel Ferreira na final da Libertadores contra o Flamengo.

Recentemente, Luiz Adriano esteve envolvido em diversas polêmicas com a torcida do Palmeiras. Na volta do público ao estádio, na derrota por 4 a 2 para o Red Bull Bragantino, pelo Brasileirão, o atacante discutiu com torcedores no banco de reservas, xingou um torcedor durante o aquecimento da equipe – o vídeo viralizou nas redes sociais dias depois -, fez sinal de silêncio para torcida após marcar contra o Sport e ironizou as vaias na derrota para o São Paulo.

 

Há rumores de que Luiz Adriano estaria disposto a deixar o Palmeiras em 2022 para retornar ao Internacional, clube onde foi revelado. Segundo o jornalista Jorge Nicola, a presidente eleita do Verdão, Leila Pereira, já teria decidido pela saída do camisa 10 para a próxima temporada depois do episódio no jogo contra o São Paulo.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *